always forward
































Cheguei à noite, vieste.me por a casa, e aí senti uma saudade enorme, até adormecer não deixei de pensar em ti.
No outro dia, parecia que o mundo me tinha caido aos pés, ía ficar todo o dia em casa, fechada, com um livro de português à frente, sentia raíva de não poder ficar mais tempo contigo, mas não pôde ser, muito chorei, limpei as lágrimas, mas não me contia, e fazia desse gesto, uma repetição.
Até que de um momento para o outro decidiste fazer a minha vontade, posseste.te no meu lugar, e percebeste que não é fácil pra mim. estar presa para mim não é vida. mas também percebi que passas dificuldades, para me veres feliz e é por isso que te digo: - não te prendas por mim, dá continuação à tua vida, mesmo comigo a teu lado.
publicado por inesf às 14:57 | link do post | comentar